Fale Conosco:
Belo Horizonte(31) 3222-9948
Divinópolis(37) 3213-0005
Artigos Política

PORQUE PAGAMOS TÃO CARO PARA ENCHER O TANQUE?

Por Helton Cardoso

 

“Publiquei este texto originalmente em 09/05, antes de todo o turbilhão causado pela paralisação dos caminhoneiros e da saída de Pedro Parente do comando da Petrobras. Apesar disto, ele é importante para mostrar que as causas dos problemas não foram tratadas, apenas os sintomas.” Já adianto: não é por causa da alta na cotação internacional do barril de petróleo nem por causa da alta na cotação do dólar.

Depois de ser depenada pelos esquemas de corrupção dos partidos políticos, a Petrobras está se recuperando. Desde que Pedro Parente assumiu a companhia, em mai/16, ele vem fazendo, sob o ponto de vista de gestão, um excelente trabalho. O problema é que esta recuperação vem acontecendo às nossas custas.

É verdade que o governo Dilma manteve os preços dos combustíveis artificialmente congelados durante boa parte do seu governo para segurar a inflação que ela mesmo estava causando, e isso durante um período de alta nos preços mundiais de Petróleo. Foi isso, e não a corrupção, que tornou a Petrobras a empresa mais endividada do mundo. É esta a conta que estamos pagando agora.

Também é verdade que o preço do petróleo vem subindo. De mai/16 até agora, já passou de US$ 47/barril para US$75/barril. Uma alta de quase 60%. Ficamos mal acostumados com preços baixos. O certo realmente é que o preço oscile e não seja controlado pelo governo.

Entretanto, o problema, de verdade, é outro. O mercado americano também regula seus preços pela cotação mundial do petróleo. O preço médio da gasolina nos EUA varia de US$ 2,25 a US$ 3,39 por galão. Convertendo de galões para litros pelo dólar, este preço equivaleria a uma variação entre R$ 2,12 e R$ 3,20 por litro.

O que nos diferencia dos Estados Unidos não é a cotação do Barril. É a existência de concorrência entre os produtores de petróleo, aliados a baixos custos de mão de obra e uma carga tributária decente. Toda a roubalheira na Petrobras só foi possível porque ela é uma estatal, e ela só está conseguindo transferir esta conta para nós porque ela não tem concorrentes. Você nunca verá o CADE se pronunciar sobre este monopólio.

Da próxima vez que você pagar R$ 250,00 para encher um tanque, lembre-se que o combustível é só uma parte deste valor. A maior parte do seu dinheiro está indo para bancar a nossa legislação trabalhista, sustentar o governo atual, e bancar os erros dos governos passados, além de sustentar também um monopólio sob o argumento de que “o petróleo é nosso”.  E é verdade... se o petróleo é “nosso”, na hora de ratear os custos os donos é quem pagam a conta, o problema é que, na hora de assaltar o caixa e distribuir lucros, o “nosso” significa “do governo”.

 
Inicial Voltar
Famílias, Sociedades & Governança

Soluções

Famílias, Sociedades & Governança

Gestão de famílias e sociedades; Sucessão Empresarial; Governança corporativa; Cultura organizacional; Participação em conselhos.


Saiba mais

Veja Mais Soluções

Depoimentos

Para nós da Kaney Calçados a Formatar consiste num ótimo investimento devido ao grande retorno percebido na relação custo/ benefício.Graças a ela aprendemos a gerenciar e analisar com mais clareza os dados de nossa empresa e assim tomarmos decisões mais precisas e eficazes. Além disso, sua equipe de consultores é bastante atualizada e sempre atenta às novidades do mercado nacional e internacional.”

Diretoria | Kaney Calçados


Veja Mais Depoimentos