Fale Conosco:
Belo Horizonte(31) 3222-9948
Divinópolis(37) 3213-0005
Artigos Política

OS DESAFIOS DE BOLSONARO

Por: Marcos Fábio Gomes Ferreira

Enfim o Brasil deu uma chance ao pensamento liberal cujo o pai é Adam Smith (1723 a 1790). O pensamento liberal entende que um mercado se autorregula pela lei da oferta e da procura, sem a necessidade da política intervencionista do estado.  No Brasil, entretanto, temos um cuidado a tomar: temos um presidente eleito pelas suas ideias liberais, MAS, UM ESTADO AMARRADO E MOLDADO POR ANOS A FIO DE UMA PRÁTICA INTERVENCIONISTA. Na prática, isso significa que Bolsonaro, para implementar suas ideias deverá primeiro soltar as amarras feitas pelo viés social/socialista que governou o Brasil. Além disso, a constituição de 1988 é por si só um grande entrave ao país, pois, se por um lado ela trouxe importantes conquistas sociais em termos de direitos para o cidadão, ela foi extremamente perversa e desconexa com o pensamento liberal. Digo isso porque, para se garantir tantos direitos ao cidadão, a Constituição Federal de 88 fez a nossa carga tributária saltar de 20% do PIB para 38%, afinal direitos custam dinheiro. Infelizmente, os constituintes de 88 cujo o expoente maior foi Ulisses Guimarães, se esqueceram de fazer uma simples pergunta: quem iria pagar essa conta?    

Neste momento o “feitiço virou contra o feiticeiro”, pois, a população menos favorecida para ter mais direitos, teve que pagar mais impostos, pois, como dizia Margaret Thatcher, “NÃO EXISTE DINHEIRO DO ESTADO E SIM DINHEIRO DO PAGADOR DE IMPOSTOS”.

No pensamento liberal, a melhoria social decorre da maior oportunidade de trabalho, que é o verdadeiro gerador de riquezas, fazendo o dinheiro circular mais na mão do cidadão, dando a ele o direito de escolher onde quer gastar o seu dinheiro. Neste pensamento, por exemplo, o trabalhador não precisaria ter o seu FGTS guardado de forma obrigatória pelo governo, podendo simplesmente optar por investi-lo numa bolsa ou numa previdência privada. Dessa forma o dinheiro fica na economia, circula mais e gera mais riqueza. No pensamento socialista-marxista-interventor, o governo tira o dinheiro de todos sob a forma de impostos, para “dar de volta a você” da forma que ele bem entende, deixando a população escrava de suas “benécias”.

Dessa forma, o maior desafio de Bolsonaro é fazer as reformas. Fazer reformas implicam em trazer o Brasil para o mundo real, da oferta e da procura. O Brasil de salários de mercado e não de super salários e dos direitos adquiridos. De forma bem direta, isso implica em cortar privilégios e mexer sim em direitos adquiridos. Tema complicado e de difícil aceitação, afinal de contas, todos são a favor da mudança para o “eles” e não para o “eu”.

Inicial Voltar
Famílias, Sociedades & Governança

Soluções

Famílias, Sociedades & Governança

Gestão de famílias e sociedades; Sucessão Empresarial; Governança corporativa; Cultura organizacional; Participação em conselhos.


Saiba mais

Veja Mais Soluções

Depoimentos

A Formatar nos ajudou, dentre inúmeras coisas, a enxergar a empresa como ela realmente é. O planejamento estratégico foi fundamental para definirmos o que queremos da empresa, além de determinarmos onde queremos chegar com ela”

Vanêssa Gontijo | Katuxa Calçados


Veja Mais Depoimentos