Fale Conosco:
Belo Horizonte(31) 3222-9948
Divinópolis(37) 3213-0005
Artigos Comportamento

LADRÕES DE TEMPO

Bem-vindos à vida! Aliás, se pararmos para pensar e entender que somos aquilo que fazemos a maior parte do tempo, “trabalhar, dormir, se alimentar e desperdiçar tempo” são 04 verbos que nos definem!

O ano tem 365 dias, certo? Pois bem, me peguei fazendo umas contas acerca do tempo disponível que temos em 01 ano, ou se preferirem, nos 365 dias. Vou dividir com vocês:

  • 365 dias x 24 hs = 8.760 hs num ano; entretanto, você precisará dormir, então, a conta é...

  • 365 dias x 7 hs = 2.555 hs disponíveis no ano para você dormir uma média de 7 hs/noite.

    Porém, você terá que trabalhar e, levando em conta 8 horas/dia x 26 dias úteis no mês, mais 1hora de deslocamento para ir e outra para voltar, e 11 meses no ano, pois 1 mês é o de férias, teremos:

  • 26 dias x 11 meses x 10 horas por dia = 2.860 hs utilizadas para você trabalhar.

    Concluindo essa conta, podemos dizer então que, das 8.760 hs do seu ano, 2.555 hs você dorme e outras 2.860 hs você usa para trabalhar e para se deslocar até o trabalho. Quanto lhe sobra? 3.345 hs distribuídas entre suas férias, os finais de semana e as pequenas sobras de tempo do dia a dia. Ou seja, dos 100% de horas que viveremos em 01 ano,  41% delas é o que  nos sobra para cumprirmos os nossos outros papéis (pais, cônjuge, namorado(a), amigo, vizinho, atleta, etc.).

    Por essas simples contas, está claro que não dará tempo de você fazer tudo. Agora vem a pior notícia: NÃO INCLUÍ NESSA CONTA OS LADRÕES DE TEMPO! Querem saber quem são eles? Pare e reflita o quanto dessas 3.345 horas que em tese estariam disponíveis, quanto tempo você dedica ao WhatsApp, nas mídias sociais, na internet? Quanto tempo do seu dia você assiste TV, ficar parado no trânsito além daquela 1 hora de ir e da 1 hora para vir do trabalho? E nas filas de banco na hora do seu almoço? E nos consultórios médicos?

    Recentemente lí uma reportagem que dizia que passamos em média 6,5 horas conectados à internet. Com certeza, a maior parte delas não é no trabalho. Enfim, pelas minhas contas, acredito que lhe sobrará menos de 10% das horas disponíveis em 01 ano para que você realmente pense em você, no seu presente, no futuro e fazer as coisas que lhe dão prazer.

    É isso aí... bem-vindos à vida! Aliás, se pararmos para pensar e entender que somos aquilo que fazemos a maior parte do tempo, “trabalhar, dormir, se alimentar e desperdiçar tempo” são 04 verbos que nos definem! Seria até engraçado... imaginem um professor pedindo a um aluno para definir quem é o ser humano: “professor, o ser humano é aquele que trabalha, dorme, come, bebe e desperdiça tempo”!

    É isso aí pessoal, a pergunta que fica na reflexão de hoje é: qual o destino que você tem dados às 3.345 horas que estão disponíveis para você? Certamente a escolha do que fazer em excesso com esse tempo é que definirá quem você será, onde irá chegar e como irá chegar.  Então, aproveite que o fim do ano se aproxima, e ao invés de ficar fazendo promessas falsas para você mesmo, reflita se não seria melhor você se propor a afastar os ladrões de tempo de sua vida.

    

    Bom fim de semana a todos!


*Marcos Fábio é administrador de empresas e mestre em administração profissional com MBA em Gestão Empresarial pela Fundação Getúlio Vargas; É professor empreendedor pela Babson College em Boston/USA, onde também se qualificou em Inovação & Empreendedorismo. É sócio-Diretor e fundador da FORMATAR Consultoria empresarial, empresa líder no seu segmento no Centro-Oeste de Minas Gerais e Consultor organizacional com vasta experiência em negócios. É conselheiro de administração em empresas familiares, além de atuar como professor associado da HSM educação executiva. É Professor de MBA´s em instituições como FGV, UNA e PUC Minas e autor do livro Olhar Empreendedor – Reflexões para atitudes. É também colunista semanal do jornal Gazeta do Oeste com temas ligados ao mundo corporativo. Como empresário, além da formatar Consultoria Empresarial, é investidor em franquias de varejo.

 

Compartilhe:
Inicial Voltar
Famílias, Sociedades & Governança

Soluções

Famílias, Sociedades & Governança

Gestão de famílias e sociedades; Sucessão Empresarial; Governança corporativa; Cultura organizacional; Participação em conselhos.


Saiba mais

Veja Mais Soluções

Depoimentos

Tivemos o primeiro contato com a Formatar numa apresentação do PE da Agencia de Desenvolvimento de Santa Barbara ( que a Vale participa ). A metodologia aplicada foi muito interessante e apropriada para nosso dia a dia. Desenvolvemos em conjunto o Planejamento Estratégico da Mina de Gongo Soco em Barão de Cocais visando além das operações de rotina uma situação de fechamento da mina por exaustão das reservas em 2013. O trabalho hoje é nosso direcionador de ações para conter a ansiedade dos empregados/ comunidade para o fato além de encaminhar algumas ações de relocação de pessoas, na Vale e outras empresas. Foi um trabalho intenso , desenvolvido com todos os supervisores e equipe de comando durante dois dias com ótimos resultados. Didático, de fácil entendimento e aplicabilidade.”

Márcio José Ribeiro | Vale


Veja Mais Depoimentos